Logótipo da Númena

> INTEGRAÇÃO DE IMIGRANTES

O projecto I3: Indicadores de Integração de Imigrantes de Países Terceiros resulta de uma parceria entre instituições de seis países da União Europeia: Alemanha, Dinamarca, Espanha, Holanda, Itália e Portugal. Decorre ao abrigo do programa INTI e tem como entidade promotora o Ministério do Trabalho e Assuntos Sociais de Espanha, representado pela Direcção Geral de Integração de Imigrantes. O representante oficial português é o Alto Comissariado para as Migrações e Minorias Étnicas que recorreu aos serviços de investigação e consultoria em ciências sociais da Númena para a realização dos trabalhos daí decorrentes.

O objectivo geral do projecto é contribuir para o acompanhamento de políticas de integração dos imigrantes a nível europeu propondo um conjunto de indicadores pertinentes e comuns à escala europeia, que incorporem a visão da integração do ponto de vista local e dos critérios dos próprios imigrantes, prestando especial atenção à questão do género.

O plano de trabalhos prevê a recolha de informação para identificação de fontes e análise da informação existente em cada Estado-membro sobre a integração dos imigrantes de países terceiros, elaboração de working papers, workshops com imigrantes, validação dos indicadores seleccionados junto de informadores privilegiados (políticos e académicos) e encontros transnacionais entre parceiros e beneficiários que resultarão numa proposta final de Indicadores Europeus de Integração de Imigrantes e num guia de recomendações.

A equipa da Númena responsável por este projecto é composta por Edite Rosário e Tiago Santos.

Para mais informações recomendamos a consulta do sítio do projecto na Internet.

Versão para Impressão


Arrastar para navegar pelo texto
Foto das instalações da Númena